Como faço para trocar de advogado?

A relação entre cliente e advogado tem fundamento na confiança.

No meio desta relação de confiança pode acontecer situações que abalam a solidez da contratação, e muitas vezes o cliente se pergunta, e agora, posso trocar de advogado?

A resposta é sim.

Neste caso que tratamos nesse artigo é para situação em que o advogado está representando o cliente em um processo judicial ainda em curso, e o cliente já tem em vista outro advogado que vai assumir o processo na etapa que já se encontra, sendo que para outras situações, mande sua pergunta para que possamos esclarecer.

Mas como todo serviço contratado é preciso respeitar, principalmente o contrato de honorários, eis que é o instrumento que faz lei entre as partes.

Caso tenha realizado o contrato de honorários, e lá tenha a cláusula de rescisão, deve ser respeitado aquilo que consta expressamente no contrato, e isso vai depender do que foi anteriormente combinado entre as partes.

Caso não tenha sido firmado o contrato de honorários, e posteriormente haja o consenso entre cliente e advogado na rescisão do contrato, basta o advogado realizar o substabelecimento sem reservas de poderes para o advogado indicado.

Mas existe a situação de quando o cliente e o advogado não se entendem sobre a rescisão, e para isso, o cliente precisa notificar o advogado para a revogação da procuração, para cientificar o advogado para que não atue mais em nome do cliente, temos uma minuta para revogação da procuração neste link:

Notificação para revogação da procuração de advogado

Isso fará com que o cliente precise obrigatoriamente indicar no processo o novo advogado, com nova procuração a ser demonstrada para o Juiz, e assim, fazer a substituição para a atuação do novo advogado.

Para mais esclarecimentos procure um advogado de sua confiança ou a sede da OAB da sua cidade.